Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Nariz de cera

anotações e apontamentos que dizem tudo - de, por e para mim - por si mesmos.

Nariz de cera

anotações e apontamentos que dizem tudo - de, por e para mim - por si mesmos.

queimadas (ou os incendiários de espécie 2)

31.05.21

As causas para os vários focos de incêndio que evoluíram para um cenário para lá da capacidade de combate são, segundo o mesmo relatório encomendado pela Assembleia da República, o incendiarismo (36 por cento), queimadas (33 por cento) e reacendimentos (24 por cento).

 

Patrícia Carvalho – Ainda aqui estou (2018)

Fundação Francisco Manuel dos Santos e Patrícia Carvalho (2018)

 

34 Peasant Burning Weeds.jpgPeasant Burning Weeds (October, 1883)

Vincent van Gogh

 

a genialidade

17.04.18

- Gosto da maneira como escreves - disse o H.R. - Consegues dizer muito sem te tornares complicado.

- A genialidade pode ser a capacidade de dizer uma coisa coisa profunda de uma forma simples.

 

 

Charles Bukowski in Como Ser Publicado - Música para Água Ardente (1983)

Antígona (2015)

 

 

 

 Van Gogh versus Le Génie, 2015

Freddo Sacaro

 

 

 

sem impedimentos

02.01.18

A criada Kame gritava: musumé, onde estás tu. E a jovem Matsu respondia: no teu coração. A criada voltava a gritar: e mais onde. Matsu respondia: ao sol. Estou aqui encostada ao sol. Era como se o sol se estendesse até tocar o corpo ao abandono da jovem. A criada juntava-se-lhe e culpava-se de parar os trabalhos por um instante. Por vezes, escolhiam a fome em troca de um mínimo de sossego. A felicidade podia acontecer num ínfimo instante, ainda que a fome se mantivesse e até a sentença para sofrer. O sofrimento nunca impediria alguém de ser feliz. 

 

 

Valter Hugo Mãe – Homens imprudentemente poéticos

Porto Editora (2016)

 

 

 

 Le semeur au soleil couchant

Vincent Van Gogh

 

 

saber ler saber escutar

01.09.17

Junto a ese hombre, que sabía escuchar puesto que sabía leer

 

 

David Foenkinos - La biblioteca de los libros rechazados (2016)
Titulo original: Le Mystère Henri Pick
Traducción de María Teresa Gallego Urrutia y Amaya García Gallego
Penguin Random House Grupo Editorial S.A.U. (febrero, 2017)

 

van-gogh-homem-lendo-aquarela-e-carvao-1881-museu-

 

Farmer sitting at the fireside and reading, 1881

 

Vincent van Gogh

 

paleta excessiva

29.07.16
Vincent van Gogh
 
30 de março, 1853 - 29 de julho, 1890
 

s-l500.jpg

 L'HOMME EST EN MER

Painted in Saint-Rémy in October 1889

 

 

 

"O pobre homem

não me pode fazer isto.

Perante a sua paleta grosseira

dissipa-se

em mim qualquer bela

perspectiva de vida. (...)

Pintava com correção excessiva."

 

Robert Walser in Histórias de imagens” (Editora Cotovia, Portugal), Tradução de Pedro Sepúlveda

 

 

créditos imagem: http://www.sothebys.com/en/auctions/ecatalogue/2014/impressionist-modern-art-evening-sale-l14002/lot.39.html