Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Nariz de cera

anotações e apontamentos que dizem tudo - de, por e para mim - por si mesmos.

Nariz de cera

anotações e apontamentos que dizem tudo - de, por e para mim - por si mesmos.

while

05.04.21

inacessível corpo em outro corpo vivo 

As pernas são o grito

no rosto  no vento  A língua 

contra a língua

ou antes as duas línguas que a destroem 

 

Vertigem dos limites 

contra a vertigem 

[...]

Ancas intermináveis  Flancos 

que trucidam quando oscilam 

 

António Ramos Rosa in  FRAGMENTOS: FIGURA - Obra Poética I

Assírio & Alvim (2018)

 

o presente que é o presente

09.03.21

Eu aprenderei a partir sem conhecer 

para onde vou nem olharei para trás

eu aprenderei que o presente é o presente 

 

António Ramos Rosa in  O INCÊNDIO DOS ASPECTOS  - Obra Poética I

Assírio & Alvim (2018)

 

 

rock poema

06.01.21

«Vais deitar abaixo os grupos de rock. Nunca vi nada assim. Gostaria de ter-te lá todas as sextas e sábados à noite.»

«Isso não resultaria, Marty. Pode-se cantar a mesma canção dezenas de vezes, mas com os poemas querem sempre algo de novo.»

 

Charles Bukowski – Mulheres (1978)
Coleção Mil Folhas PÚBLICO (2003)

 

 

chegado

17.11.20

Porque és sem tensão o resultado,

o chegado. A praia e o centro do olhar

no extremo e simples.

[...]

à varanda de ti próprio.

À varanda do mar.

[...]

No espaço interno mar

onde chegaste

o desejo coincide em si

no mar. 

 

 

António Ramos Rosa in O DESEJADO CHEGADO  - Obra Poética I

Assírio & Alvim (2018)

 

 

o estado da arte e da cultura - da praxe

27.10.20

Aristides e César eram grandes defensores das praxes académicas, um tema agora muito em voga e envolto em bastante polémica. O jornal Público fez uma investigação sobre estas práticas estudantis, e descobriu que já no início do século XX as praxes eram consideradas uma forma de cativar os jovens estudantes e assim os integrar na vida universitária, desde que se baseassem em atividades ligadas às artes e à cultura: provas de poesia e criação literária, teatro, pintura, exibições de canto e de música, entre outras disciplinas.

 

António Moncada S. Mendes – Aristides de Sousa Mendes, Memórias de Um Neto
Edições Saída de Emergência e António Moncada S. Mendes  (2017)

 

não

05.11.19

- Não te tornaste puritana com o luto, pois não? - perguntou-me. 

 

 

Wray Delaney - Memórias de Uma Cortesã  (2016)

Quinta Essência, Oficina do Livro (2017)

 

 

pict_md_dnBdYHFnYWU1ODs7PjooYH53YGJicCs4enp9NGZvb2

Erotic painting on the wall of the "Cook Chamber" of the Vetii's House, on of the richest of the city. Access of this room was forbidden for women until the seventies.

in http://www.stephanecompoint.com/41,,,11027,en_US.html

 

 

Once I have Been Caught

01.07.19

Sounds very Simple to do,
To Kiss me Quick
But your Love must be True
And to catch me, is the Trick

When our lips do Meet
I know it will be such a Treat
For me as well as You
Nice and wet like the Morning Dew

Lips twisting and Turning
For more defiantly Yearning
And I'll probably want a Lot
Once I have Been Caught

 

 
 

Na Cama, O Beijo - 1892


Henri de Toulouse-Lautrec

 

بلا مفاتيح . . . . بلا أبواب

31.01.17

 

المفاتيح التي لا تفتح الأبواب
هي المفاتيح التي تغلق الأبواب
والمفاتيح المشنوقة في السلاسل
لا تملك إلا دراما الرنين
لكن المفتاح الذي يموت في جيبي
يذكرني بأنه قد آن الوقت لكي أكون إمرأة عاقلة ، تسكن بيتا
بلا مفاتيح . . . . بلا أبواب

 

The keys that open doors
are the keys that close them,
and the keys strangled in chains
have nothing but the drama of tinkling.
But the key that dies in my pocket
reminds me it is time
that i became a reasonable woman
who lives in a house
without keys, without doors.

 

Keys –  Fatma Kandil