Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Nariz de cera

anotações e apontamentos que dizem tudo - de, por e para mim - por si mesmos.

Nariz de cera

anotações e apontamentos que dizem tudo - de, por e para mim - por si mesmos.

01 Abr, 2018

vivam e sejam

Vivam, apenas.   Sejam bons como o sol. Livres como o vento. Naturais como as flores.   Imitem as árvores dos caminhos que dão flores e frutos sem complicações.   Mas não queiram convencer os cardos a transformar os espinhos em rosas e canções.   E principalmente não pensem na Morte.  Não sofram por causa dos cadáveres que só são belos quando se desenham na terra em flores.   Vivam, apenas. A Morte é para os mortos!      José Gomes Ferreira in (...)
(Um momento de filosofia barata.)   Para além do «ser ou não ser» dos problemas ocos, o que importa é isto: - Penso nos outros. Logo existo.      José Gomes Ferreira in Eléctrico       José Gomes Ferreira – Poeta Militante I Círculo de Leitores (2003)
07 Mar, 2018

puta a um canto

V   (À infalível prostituta, a um canto)   Se eu quisesse, tornava-te humana. Fazia-te chorar as lágrimas que trago em mim.    E beijava-te a boca a menina que ainda existe  no fundo dos teus olhos.    Mas não quero.    Prefiro ver no teu corpo  o desenho da minha indiferença. E sentir-te na pele tudo o que há de vil na minh'alma - e já não cabe em mim.    José Gomes Ferreira in Cabaré      José Gomes Ferreira – Poeta Militante I Círcu (...)
" Os homens nunca se contentam... E eu, a falar franco, fartei-me deste Imprevisto Anárquico do Sonho em que vivi e agora apetece-me voltar a provar aquilo a que chamamos Realidade...Além disso... Ouve: vou dizer-te um segredo... mas promete-me que não o revelas a ninguém... Prometes? Na verdade, o fito principal do meu regresso talvez seja o de tentar revolucionar Chora-Que-Logo-Bebes... endireitar as espinhas dorsais das pessoas... secar as lamentações covardes dos (...)