Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Nariz de cera

anotações e apontamentos que dizem tudo - de, por e para mim - por si mesmos.

Nariz de cera

anotações e apontamentos que dizem tudo - de, por e para mim - por si mesmos.

30 Set, 2019

ser eterno dentro

Volto a ser uma dama instada ao amor às solicitações e aos rigores vibráteis do corpo e mais, muito mais, à respiração ondulatória porque eu sou da terra o sismo e o fulgor só pelo negrume de meu amado respondo.   Entristecem-me as promessas mínimas do ventre aberto por força do pouco e do muito ele querer a paz do coágulo, a dor, o espasmo e o rubi ai tudo posso dar-lhe, ao meu adepto, ruína das lutas, o soma, o sarcófago e até o ser eterno dentro de mim.     Pau (...)
there’s a bluebird in my heart that wants to get out but I’m too tough for him, I say, stay in there, I’m not going to let anybody see you. there’s a bluebird in my heart that wants to get out but I pour whiskey on him and inhale cigarette smoke and the whores and the bartenders and the grocery clerks never know that he’s in there. there’s a bluebird in my heart that wants to get out but I’m too tough for him, I say, stay down, do you want to mess me up? you want to screw up the works?
28 Jul, 2017

dentro

Os seus olhos! Cecília tinha os olhos dentro da barriga! Quando entrei, os olhos estavam lá a ver-me! Eram enormes e estavam a sorrir para mim! (...) «Mas para que lhe servem aqui dentro, no escuro? Nunca poderá ver o que se passa lá fora». «Todos olham para fora - falou a baleia Cecília. - Mas poucos são capazes de ver onde está mais escuro, dentro de nós.»   Daniela Palumbo - A Baleia Cecília (La Balena Cecilia , 1999) Inst. Miss. Filhas de São Paulo (Agosto 2008)