Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Nariz de cera

anotações e apontamentos que dizem tudo - de, por e para mim - por si mesmos.

Nariz de cera

anotações e apontamentos que dizem tudo - de, por e para mim - por si mesmos.

não retido

29.10.21

Vai-se tecendo a paz num caos contemplado

em que nada se retém à roda do vazio

senão o que o desejo suspende e inicia

para não ser mais que o movimento calmo

numa concha de sono vagarosa e vazia.

 

António Ramos Rosa in APENAS UM TREMOR - Obra Poética I

Assírio & Alvim (2018)

 

 

de frente para o sol

11.10.21

Avanço através de um caos silencioso.

[...]

É vazio o princípio do princípio.

A possibilidade de nascer é o desejo que nasce.

Esquecer, viver. 

 

António Ramos Rosa in UM DISCURSO TRANSPARENTE - Obra Poética I

Assírio & Alvim (2018)

 

 

pressentimento

27.03.17

(...) um pressentimento (...) é a forma mais subtil de enganar o caos 

 

 

Lídia Jorge – A Costa dos Murmúrios (1988)
Coleção Mil Folhas PÚBLICO (2002)

 

 

Vem que o sol raiou
Os jardins estão florindo
Tudo faz pressentimento
Que este é o tempo ansiado
De se ter felicidade

 

Pressentimento (Elton Medeiros e Hermínio Bello de Carvalho)