Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Nariz de cera

anotações e apontamentos que dizem tudo - de, por e para mim - por si mesmos.

Nariz de cera

anotações e apontamentos que dizem tudo - de, por e para mim - por si mesmos.

se não sim

no outono consentiu um beijo, uma desilusão mole e húmida que lhe deu ímpetos de apagar no cotovelo, o meu pai feliz

- Não foi bom?

e ela com vontade que ele morresse ou ela morresse (...) à medida que uma voz dentro de si 

- Têm paciência senão ficas sozinha 

e o pavor de ficar sozinha depois da morte dos pais 

 

 

António Lobo Antunes – Para Aquela Que Está Sentada No Escuro À Minha Espera (2016)
Publicações D. Quixote | Leya (2016)

 

 

 

 

2 comentários

Comentar post