Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Nariz de cera

anotações e apontamentos que dizem tudo - de, por e para mim - por si mesmos.

Nariz de cera

anotações e apontamentos que dizem tudo - de, por e para mim - por si mesmos.

com o rio à porta

05.09.17

 

Com a foz do rio à porta (...) a cidade transformou-se (...). «O Douro», escreveu Cruz Malpique, «foi que fez o Porto tal como foi, tal como é, tal como será sempre: trabalhador, independente, vigoroso, de falas desassombradas, de cerviz bem erguida, batendo o pé a todas as tiranias

 

 

Germano Silva e Lucília Monteiro – Porto, a Revolta dos Taberneiros e Outras Histórias (2004)

Editorial Notícias (maio 2004)

 

 

 

 

Comentar:

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.